AUDIOLOGIA

A deficiência auditiva ocorre em um grande número de pessoas e atinge crianças e adultos. O impacto global da deficiência auditiva é significativo, causando atraso no progresso educacional das crianças e acarretando sérias conseqüências psicossociais para os que adquirem a perda auditiva mais tarde em suas vidas.

O fonoaudiólogo é responsável pela função social da audição e aborda a utilidade prática da capacidade auditiva, visando aumentar a habilidade do deficiente auditivo em lidar com situações de vida diária. O fonoaudiólogo especialista em audiologia, conhecido como audiologista, realiza diagnósticos, prognósticos e estabelece tratamentos ou auxilia no estabelecimento de condutas de outros profissionais da área da saúde tais como pediatras, otorrinolaringologistas, neurologistas, neurocirurgiões, geriatras, clínicos gerais e outros; Tendo como dever saber prestar serviços de prevenção, identificação e avaliação de problemas na audição; Seleção e avaliação de aparelhos de amplificação sonora; Habilitação/reabilitação oral de indivíduos com perda auditiva.

TERAPEUTAS: